quarta-feira, 9 de maio de 2018

Artigo sobre atividade física

Virus do bem.

Oi! Ola! Como voces estão?
Enquanto eu pedalava um dia desses pensei o seguinte:
 Vamos espalhar esse vírus chamado atividade física para curar depressão, prevenir patologias e dar as pessoas qualidade de vida com nossos exemplos!!

Temos histórias lindas de superação inspiradas em outras lindas de pessoas reconhecidas nas mais diversas áreas.
Que tal você compartilhar connosco suas experiências e histórias lindas, pode ser qualquer uma? 
Robson Caetano Da Silva 

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Olá amigas e amigos!
              
               Em meus pensamentos não julgamento.


Quando se estabeleceu o Ai5 no Brasil, dando aos militares total liberdade de busca e captura dos ditos subversivos, os mesmos saíram do país, foram estudar modelos políticos em países de primeiro mundo, e alguns aqui da maresia do Sul, que aceitavam os fugitivos políticos, que ao final deste processo acabaram voltando como heróis, na minha opinião humilde opinião os heróis permaneceram aqui enfrentando toda dificuldade da época, eles acabaram virando nome de túnel, de ruas etc.., os que fugiram receberam a chance de retornar com a anistia, muitos se enveredaram pela política, outros na construção civil e outras áreas., os exilados sofreram com a distancia, mas não com as torturas que destruíram famílias, e deu um sentido pátrio ao povo, mas parece que as lições da ditadura não foram o suficiente, e aqui eu não quero dizer que sou a favor ou contra nenhum regime, são apenas pensamentos de um brasileiro que nasceu em 1964, e acompanhou tudo vivendo dentro de uma instituição publica, a Fundação FIOCRUZ, pra ser mais preciso dentro do instituto Oswaldo Cruz, e lá dentro não havia perseguição, apenas meu tio Waldir Teixeira vinha para ficar uns dias e desaparecia por algum tempo, já que meu avô estava na Marinha mercante, e tinha envolvimento limitado com questões politicas.

 Os exilados que retornaram e se enveredaram pela política, através do MDB, e ARENA, os dois partidos da época entenderam que a abertura daria direito de fazer deste país uma anarquia na questão da criação de tantos outros partidos políticos transformando em mercado esse sistema no Brasil, e falta de responsabilidade com recursos públicos, fazendo o dinheiro girar em benefício de um punhado extremamente mercenário da politica., Eu acho que esse direito terminou, pois a justiça começou a punir de verdade aqueles ditos subversivos da época e que sentaram nas cadeiras publicas, que no passado  pegaram em armas dando início ao empobrecimento político do Brasil.
 O povo não merecia isto, pois os recursos gerados neste país que hoje estão acima da ordem dos 3 trilhões de reais serviriam para honrar a saúde, segurança e principalmente a educação.

 A gente lamenta a queda de popularidade de um partido que está tendo um senhor que foi um presidente extremamente popular, mas a consciência de que ninguém está acima da justiça está sendo enxergada por esse povo, que saboreou dias de fartura, e que hoje amarga o medo a insegurança e s falta de educação.

 Meu Deus; precisamos tirar lições de toda essa tempestade política que aprisiona o povo em suas casas, que tira as crianças da escola, e que diferente dos políticos senhores de idade, tem idoso morrendo nas filas dos postos de saúde, por falta de projetos públicos financiados por quem foi escolhido por nos, para criar, executar, e assim fazer a diferença para unir a sociedade e não dividi-la como tem acontecido...
 Que Deus nos abençoe em nossas próximas escolhas eleitorais para que de fato o Brasil invista no povo, eduque o jovem com programas esportivos, culturais, educacionais, que garanta salários dignos a quem trabalha, fomentando a economia fazendo com que is recursos girem de forma justa e cuide de nossos idosos, as senhoras e senhores que merecem dignidade para viver.


Um forte 💪🏾 abraço do medalhista olímpico Robson Caetano.

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Quem é mais rico? O Brasil ou os EUA ?
Carta recebida por Alexandre Garcia (comentarista da rede Globo) enviada por um amigo Americano. Segue a carta:
“Caros amigos brasileiros e ricaços“:
Vocês, brasileiros, pagam o dobro do que os americanos pagam pela água que consomem, embora tenham água doce disponível. Aproximadamente 25% da reserva mundial de água doce está no Brasil.
Vocês brasileiros pagam 60% a mais nas tarifas de telefone e eletricidade, embora 95% da produção de energia em seu país seja hidroelétrica (mais barata e não poluente). Enquanto nós, pobres americanos, somente podemos pagar pela energia altamente poluente, produzidas por usinas termelétricas à base de carvão e petróleo e as perigosas usinas nucleares.
E por falar em petróleo…
Vocês brasileiros pagam o dobro pela gasolina, que ainda por cima é de má qualidade, que acabam com os motores dos carros, misturas para beneficiar os usineiros de álcool. Não dá para entender, seu país é quase auto-suficiente em
produção de petróleo (75% é produzido aí) e ainda assim
tem preços tão elevados.
Aqui nos EUA nós defendemos com unhas e dentes o preço do combustível que está
estabilizado a vários anos US$ 0,30 ou seja R$ 0,90
Obs: gasolina pura, sem mistura.
E por falar em carro…
Vocês brasileiros pagam R$ 40 mil por um carro que nos
nos EUA pagamos R$ 20 mil. Vocês dão de presente para
seu governo R$ 20 mil para gastar não se sabe com quê e nem aonde, já que os serviços públicos no Brasil são um lixo perto dos serviços prestados pelo setor público nos EUA.
Na Flórida, caros brasileiros, nós somos muito pobres; o
governo estadual cobra apenas 2% de imposto sobre o valor agregado (equivalente ao ICMS no Brasil), e mais 4% de imposto federal, o que dá um total de 6%. No Brasil vocês são muito ricos, já que afinal concordam em pagar 18% só de ICMS.
E já que falamos de impostos…
Eu não entendo porque vocês alegam serem pobres, se,
afinal, voces não se importam em pagar, além desse absurdo ICMS, mais PIS, CONFINS, CPMF, ISS, IPTU, IR, ITR e outras dezenas de impostos, taxas e contribuições, em
geral com efeito cascata, de imposto sobre imposto, e ainda assim fazem festa em estádios de futebol e nas passarelas de Carnaval. Sinal de que não se incomodam com esse confisco maligno que o governo promove, lhes tirando 4 meses por ano de seu suado trabalho.
De acordo com estudos realizados, um brasileiro trabalha mais de 4 meses por ano somente para pagar a carga tributária de impostos diretos e indiretos. Segue…
Nós americanos lembramos que somos extremamente
pobres, tanto que o governo isenta de pagar imposto de
renda todos que ganham menos de US$ 3 mil dólares por mês (equivalente a R$ 9.300,00), enquanto aí no Brasil os assalariados devem viver muito bem, pois pagam imposto de renda todos que ganham a partir de R$ 1.800,00. Além disso, voces tem desconto retido na fonte, ou seja, ainda antecipam o imposto para o governo, sem saber se vão ter renda até o final do ano. Aqui nos EUA nos declaramos o imposto de renda apenas no final do ano, e caso tenhamos tido renda, aí sim, recolhemos o valor devido aos cofres públicos. Essa certeza nos bons resultados futuros torna o
Brasil um país insuperável.
Aí no Brasil vocês pagam escolas e livros para seus filhos, porque afinal, devem nadar em dinheiro, e aqui nos EUA, nós, pobres de país americano, como não temos toda essa fortuna, mandamos nossos filhos para as excelentes escolas
públicas com livros gratuitos.
Vocês, ricaços do Brasil,
quando tomam no banco um empréstimo pessoal, pagam
POR MÊS o que nós pobres americanos pagamos POR ANO.
E por falar em pagamentos…
Caro amigo brasileiro, quando você me contou que pagou R$ 2,500.00 pelo seguro de seu carro, ai sim eu confirmei a minha tese: vocês são podres de ricos!!!!!!!! Nós nunca
poderíamos pagar tudo isso por um simples seguro de
automóvel. Por meu carro grande e luxuoso, eu pago US$ 345,00. Quando você me disse que também paga R$
1.700,00 de IPVA pelo seu carro, não tive mais dúvidas. Nós pagamos apenas US$ 15,00 de licenciamento anual, não importando qual tipo de veiculo seja.
Afinal, quem é rico e quem é pobre? Aí no Brasil, 20% da população economicamente ativa não trabalha. Aqui, não podemos nos dar ao luxo de sustentar além de 4% da população que esta
desempregada. Não é mais rico quem pode sustentar mais gente que não trabalha ???
Assina: Alexandre Garcia.
CONCLUSÃO:
“Não se trata de sermos um país rico, mas sim de uma
República de BANANAS!!!!”
O objetivo é fazer chegar esta mensagem ao máximo de
pessoas para TENTAR sensibilizar e TENTAR conscientizar este povo brasileiro que aceita tudo que o governo dita, sem contestar!
#AcordaBrasil#hvh                       
CLASSE MÉDIA VAI PAGAR MAIS IMPOSTO DE RENDA
     
- Decreto que aumenta de 27,5 para 35% , a alíquota do Imposto de Renda.
- Este reajuste atinge diretamente a classe média.
- Sem querer  cortar gastos, o governo com sua exuberante incompetência, quer como sempre, repassar para a   população.
- Assim é moleza, roubam, administram mal, e nos dão a conta para pagar.
Passe adiante...
- Se cada pessoa passar para 10 amigos de setores diferentes, no 6° repasse atingiremos   milhões de brasileiros . - Vamos tirar 5 minutos para mudar o Brasil  e defender nossas famílias e nosso suado dinheiro.  Eu fiz minha parte ! Faça a sua ! Lamentável.... A corrupção está destruindo nosso País...                                


                                                #AcordaBrasil

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Oi! Olá! Como vocês estão?

Durante evento chamado experimentando diferenças um participante me perguntou se eu já havia chegado em ultimo alguma vez na minha vida como atleta..

 Eu pensei um pouco e disse: A vida não se trata apenas de vitórias, pois são nas derrotas que reconhecemos nossas limitações, erros, e qualidades que devem ser ampliadas, e sim eu já cheguei quase em ultimo, inclusive numa olimpíada, onde fiquei com a sexta posição e com a desclassificação do Bem Johnson subi para quinto lugar.
 Mas os grandes derrotados foram aqueles que naquela olimpíada
entraram usando doping, que não foi flagrado pelos exames da época, tirando a minha chance de ser campeão olímpico, esse sentimento é o que mais me deixa com o sabor da derrota, ou quando um jovem perde a vida na guerra contra as drogas, que tira a oportunidades, e revela uma face fria da sociedade, ai eu chego em ultimo, pois são muitos e os poucos que querem realmente fazer algo, esbarram na burocracia, na falsidade, na falcatrua, nos mentirosos, nos comandantes deste país que não cuidam direito das pessoas...

 E segui a brincadeira na corrida de cadeira de rodas, chegando inclusive em último para um grupo de mulheres que fizeram questão de disputar contra mim, e foi o máximo!! o rapaz que estava me observando a todo tempo acompanhado de sua mãe, me fez a pergunta talvez por ver um atleta medalhista olímpico super campeão chegar em último, e ainda sim estar sorrindo para todo aquele público, e para mim foi sensacional explicar para ele um dos valores que carrego comigo, a hombridade. 
#robsoncaetanomedalhistaolimpico
#robsoncaetanopalestranteolimpico
www.robsoncaetanodasilva.com.br
www.youtube.com/superRcaetano